Sexta-feira (14/06) começa a Copa América, o grupo B conta com as seleções da Argentina, Colômbia, Paraguai e Qatar. Os dois times que obtiverem a maior quantidade de pontos passam para a próxima fase.

Argentina

Comandados por Lionel Scaloni, a seleção argentina chegou ao Brasil na noite de 10/06 para disputar a Copa América. O primeiro jogo dos hermanos é contra a Colômbia no dia 15/06, na arena Fonte Nova, em Salvador.

A Argentina é uma das grandes seleções de futebol do mundo. Ao todo são duas Copas do Mundo (1978 e 1986), quatorze títulos da Copa América, uma Copa das Confederações e duas medalhas de ouro nos Jogos Olímpicos.

A seleção só não participou de quatro Copas do Mundo, possuindo 17 participações. O jejum de títulos da Abiceleste já dura 26 anos considerando torneios masculinos profissionais. A última vez que levantou um troféu foi na Copa América de 1993.

A escalação provável para o primeiro confronto é: Franco Armani (gol); Renzo Saravia (def); Juan Foyth (def); Nicolás Otamendi (def); Marcos Acuña (def); Guido Rodriguez (mei), Leandro Paredes (mei); Giovani Lo Celso (mei); Matías Suárez (mei); Lionel Messi (ata); Sergio Agüero (ata).

Destaque

O destaque da seleção argentina é o jogador Lionel Messi. O atacante possui no currículo cinco bolas de ouro e, atualmente, defende o Barcelona. Tanto no clube catalão quanto na seleção, Messi é o capitão.

Considerado um dos melhores futebolistas de todos os tempos, com qualidade técnicas, jogadas precisas, velocidade, habilidade, facilidade em trabalho em equipe e vocação para o gol, o jogador pode ser decisivo nas partidas.

Colômbia

Comandados por Carlos Queiroz, a seleção colombiana tem como maior conquista a Copa América vencida em 2001, na qual a Colômbia foi o país sede. A seleção também alcançou um vice-campeonato em 1975 e chegou às semifinais em 1987, 1991, 1993, 1995, 2004 e 2016.

A seleção participou de seis Copas do Mundo nos anos de 1962, 1990, 1994, 1998, 2014 e 2018. No Brasil, em 2014, foi quando teve seu melhor desempenho na competição ao terminar na posição quinta de 32 equipes.

Foi convidada em três oportunidades para disputar a Copa Ouro da CONCACAF, torneio oficial da confederação do Norte, América Central e Caribe, sendo vice-campeã em sua primeira participação em 2000.

A provável escalação da seleção para a esteia dia 15/06, contra a Argentina em Salvador, no Estádio Fonte Nova é: David Ospina (gol); Stefan Medina (def); Yerry Mina (def), Carlos Alberto Sánchez (def); William Tesillo (def); Juan Cuadrado (mei); Gustavo Cuellar (mei); Mateus Uribe (mei); James Rodríguez (mei); Luis Muriel (ata); Ramadel Falcao (ata).

Destaque

O destaque da Seleção Colombiana é o meia James Rodríguez, que atualmente joga no Bayern de Munique, mas está em processo de transição, visto que pertence ao Real Madrid e a diretoria do clube alemão demonstra que não vai exercer a opção de compra no contrato.

Com apenas 27 anos, o jogador é considerado um dos melhores jogadores jovens do mundo.

Paraguai

Sob o comando de Eduardo Berizzo, a Seleção Paraguaia, juntamente com a Peruana, é a quarta equipe com mais títulos da Copa América. Foram dois no total (o primeiro em 1953 e o segundo em 1979).

Na década de 2000, a seleção teve uma renovação no elenco, com novos talentos como os atacantes Roque Santa Cruz e Cabañas, além de outros jogadores defensores como Denis Ayala, entre outros.

Em Copas do Mundo são no total 8 participações e sua melhor campanha foi em 2010, na África do Sul, ao alcançar as quartas de final. Em 2011, chegou à final da copa América depois de eliminar o Brasil nas quartas de final, mas perdeu para a Seleção do Uruguai.

O primeiro jogo da seleção na Copa América será contra o Qatar no domingo (16/06) às 16:00 no Maracanã. A provável escalação para o confronto será: Gatito fernández (gol); Iván Piris (def); Gustavo Gómez (def); junior Alonso (def); Santiago Arzamendia (def); Hernán Pérz (mei); Rodrigo Rojas (mei); Miguel Almirón (mei); Derlis González (ata); Óscar Cardozo (ata); Ángel Romero (ata).

Destaque

O destaque é para o meia-atacante Óscar Romero, irmão gêmeo do também atacante da Seleção Paraguaia Ángel Romero. O atleta joga atualmente pelo clube chinês Shanghai Shenhua, e sua vitalidade de 26 anos é muito importante para o time.

Qatar

Comandados por Félix Sánchez Bas, a seleção Qatariana é muito recente e fará sua primeira participação na Copa do Mundo em 2022 porque será o país sede.

Em 1977 participou pela primeira vez das eliminatórias para a Copa do Mundo, jogando contra os Emirados Árabes. A Seleção Qatariana foi derrotado por 2×0 pelos donos da casa.

Em 2019, o Qatar conquistou o título mais importante de sua história, Copam Ásia, ao vencer o Japão na final por 3×1.

A primeira partida oficial da equipe foi em 1970, e busca na Copa América a oportunidade de se fortalecer como uma equipe para a Copa do Mundo de 2022.

O primeiro jogo da Seleção será contra o Paraguai no domingo (16/06), às 16:00 no Maracanã. A provável escalação será: Saad Al Sheeb (gol); Pedro Miguel (def); Salem Al Hajri (def), Tarek Salman (def); Abdelkarim Hassan (def); Abdulaziz Hatem (mei); Assim Madibo (mei); Hassan Al Heidos (mei); Almoez Ali (ata); Akram Afif (ata).

Destaque

O destaque da Seleção Qatariana é o atacante Almoez Ali, nascido sudanês e naturalizado qatariano. Ele joga atualmente no Al-Duhail.