Assim como Jesus, Domenec teve um começo complicado e agora emplacou uma sequência de bons jogos. A vítima de ontem foi o Corinthians, que viu sua crise atual ficar ainda pior.

Duas vitórias nos últimos dez jogos. É esse o resultado apresentado pelo Corinthians no Campeonato Brasileiro. Mas a crise não é recente. O começo complicado no campeonato paulista, com a classificação para o mata-mata conquistada nos instantes finais, já dava indícios de que a temporada no Parque São Jorge seria bastante complicada.

O Flamengo, adversário de ontem, vinha em uma fase oposta. Depois da chegada de Domenec Torrent, o time demorou, mas conseguiu se acertar e, nos últimos dez jogos, conquistou sete vitórias, dois empates e apenas uma derrota. E, considerando todo o desempenho do time no ano passado, o favoritismo do rubro-negro era unanimidade.

Talvez não fosse esperada um placar tão elástico, mas, sem dúvidas, ele não foi algo completamente fora do normal.

O jogo

Os visitantes começaram pressionando e aos 9′ já tinha bola na rede, Mas o árbitro teve que anular o gol porque a bola saiu de campo na origem da jogada. O jogo seguiu com algumas oportunidades boas até que Éverton Ribeiro cabeceou no contrapé de Cássio, que pouco pôde fazer.

Antes do apito final da primeira etapa, Camacho acertou um belíssimo chute de fora da área que não entrou por um capricho, já que a bola explodiu no travessão. Entretanto, o Flamengo foi nitidamente superior nos primeiros 45′.

Na segunda etapa, Vitinho ampliou com um chute colocado da meia-lua. O atacante do Flamengo bateu no canto esquerdo de Cássio com maestria e o ídolo corintiano apenas assistiu enquanto a bola morria na parte lateral da rede. Insistindo em pressionar o time da casa, o Flamengo chegou aos 3×0 com Natan depois que (Pel)Éverton Ribeiro bateu escanteio.

Quando o Corinthians reagiu, uma ducha de água fria: Gil marcou aos 15′, mas o bandeirinha assinalou impedimento e o gol não valeu. Três minutos depois em uma cobrança de falta parecida, o zagueiro subiu de novo e desviou para a meta de Hugo Souza.

Depois de tirar o zero do placar, o Coringão até ganhou volume de jogo (tanto que venceu todas as estatísticas ofensivas da etapa final), mas não conseguiu converter mais. O Flamengo, mesmo jogando menos, ainda achou outras duas bolas que fizeram do jogo a pior derrota do Corinthians desde que inaugurou seu estádio.

Com o resultado, a torcida do Urubu da gávea chegou até a comemorar a liderança momentânea, mas horas mais tarde o Inter venceu o Vasco e recuperou a primeira posição da tabela. Já o Corinthians fica ainda mais alerta porque está em 14º com 18 pontos, mas a distância para o 19º é de apenas dois pontos.

O que você achou do jogo? O Flamengo vai brigar pelo título de novo? O Corinthians tem chance de cair? Conte nos comentários!