A Conmebol Copa America será realizada nos meses de Junho e Julho no Brasil. Este ano, temos dois convidados especiais, Qatar e Japão, mas por quê eles disputam a “Copa América”? Venha conferir!

História da Copa América

Mapa da América do Sul

Até o ano de 1975, a Copa América era conhecida como Campeonato Sul-Americano de Futebol. Os primeiros registros de um campeonato que envolvesse as seleções dos países sul-americanos é datado em meados do ano de 1916.

Para a comemoração do centenário da sua independência, a Argentina convidou o Brasil, o Chile e o Uruguai para a disputa de um torneio de futebol, a Copa Sul-Americana de Futebol. Depois do empate com a anfitriã Argentina, o Uruguai saiu vitorioso do que mais tarde seria considerado a primeira edição da Copa América.

Depois do sucesso que foi o campeonato, a Federação Uruguaia de Futebol, propôs a criação de uma confederação das associações futebolísticas da Argentina, do Brasil, do Chile e, claro Uruguai, criando assim a Conmebol.

Em 1921, após a filiação do Paraguai a Conmebol, o País também começou a fazer parte do campeonato. Bolívia e Peru filiaram-se a Conmebol em 1926 e 1927, respectivamente, e a partir de então também começaram a disputar a competição.

De 1939 até 1975, a competição passou por um momento complicado. Sem muito compromisso das seleções para com a competição, as edições que tiveram nesse período foram irregulares, muitas vezes os times convocados não eram os principais e por isso houve uma interrupção de oitos anos, de 1967 até 1975.

Em 1975, o evento foi retomado e passou a ser disputado de 4 em 4 anos. Esse sistema foi utilizado até 1986. Em 1987 a Conmebol retomou as rédeas do campeonato, passando a optar por um País sede e disputá-lo a cada 2 anos.

De 2001 a 2007 o torneio passou a ser disputado a cada 3 anos e a partir de 2007 foi estabelecido que ele seria disputado a cada 4 anos.

A última edição, em 2015, foi disputada no Chile, que se sagrou campeão em casa e a próxima edição ocorrerá nos meses de Junho e Julho no Brasil este ano.

Convidados da Copa América

Desde 1993, a Copa América convida seleções para participarem do campeonato, com o intuito de aproximar as nações e fazer um campeonato com mais disputas. A partir dessa decisão, o torneio passou a sempre contar com duas seleções convidadas

Quase sempre os convidados para a Copa fazem parte da Concacaf, já participaram: Honduras, jamaica, México, EUA entre outros.

O México sempre foi um dos convidados, porém em 2019 pela disputa da Copa do Ouro, também neste ano. Outro convidado de muita assiduidade são os EUA, que pelo mesmo motivo do México não irá disputar a Copa este ano.

Qatar e Japão

O Japão foi convidado para participar da Copa América pela primeira vez em 1999, devido a boa relação da federação japonesa com a Conmebol. Os samurais azuis, apesar de eliminados na fase de grupos mantiveram as boas relações com o futebol sul-americano.

Em 2011, os nipônicos foram convidados a participar novamente, mas devido a tragédia dos tsunamis que atingiram a região, ocorreram problemas quanto a liberação dos atletas para a disputa.

Após 20 anos desde o primeiro convite, o Japão volta para disputar ao lado das confederações sul-americanas o título de campeão.

O Qatar devido a evidência que recebeu depois de ter sido escolhido país sede da Copa do mundo de 2022, foi a segunda seleção convidada a participar da disputa.

Além disso, devido as pretensões da Conmebol de sediar o o Mundial de 2030 trazem uma maior proximidade ao Qatar, que tem um voto decisivo no Oriente Médio. Vale ressaltar que, o Abu Dhabi esteve perto de receber a final entre Boca e River em em 2018, mas acabou acontecendo em Madrid.

Apesar de estreante a seleção do Qatar vive uma boa fase, o time ganhou a final da Copa Ásia contra o Japão por 3×1 em Abu Dhabi, levantando a caneco pela primeira vez na história.

Agora que você conhece melhor a Copa América, vem escalar seu time com a Gente!

Cadastre-se grátis no SPM365