Depois de jogos no final de semana, apenas dois times mudaram de posição na tabela. Inter segue líder isolado.

São Paulo 2×1 Corinthians

O São Paulo vem embalado numa sequência de três vitórias consecutivas. Na tarde de ontem, no Morumbi, o tricolor paulista recebeu o Timão e logo saiu na frente com gol do profeta Hernanes (Cassio falhou no lance), mas, aos 36′, Bruno Volpi também falhou e Ramiro conseguiu deixar tudo igual. Apesar da superioridade são-paulina, o placar permaneceu inalterado e tudo indicava que o jogo terminaria empatado, mas Brenner conseguiu desempatar a favor dos donos da casa aos 92′: Junior Toró cruzou e o ponta acertou uma bela cabeçada. Depois de beijar a trave direita de Cássio, a bola morreu no fundo da rede. O São Paulo chegou à marca de 13 pontos e agora é o vice-líder do Brasileirão.

Fluminense 2×1 Vasco

O outro clássico da rodada também terminou 2×1. Dodi abriu o placar para o Fluminense e o jovem Talles Magno igualou. Fred, que entrou no segundo tempo, anotou o gol que deu a vitória ao Flu – foi o primeiro gol do atacante depois de retornar para o tricolor das laranjeiras. Com a derrota, o Vasco perdeu a vice-liderança do Brasileirão e ficou estacionado na casa do 10 pontos. Já o Fluminense, que tinha sete pontos, também alcançou os 10 e vem logo atrás do cruzmaltino em quarto lugar.

Santos 0x1 Flamengo

Tinha 9 anos que o Flamengo não vencia o Santos na Vila Belmiro e vitória de ontem veio justamente dele, Gabigol, cria das bases do Peixe. Mas o placar apertado não reflete o que se viu em campo: um jogo bastante movimentado com os donos da casa passaram mais tempo com a bola e o Flamengo optou por explorar mais os contra-ataques. Inclusive, nos primeiros 15 minutos de bola rolando, o Santos estava muito melhor e chegou a marcar duas vezes, mas os gols foram anulados pelo VAR por conta de impedimentos mínimos, mas que existiram.

Coritiba 1×0 Sport

Depois de um primeiro tempo sem graça, os times conseguiram criar melhor na segunda etapa, mas o panorama do jogo não mudou tanto. Nos 45′ finais, o Sport conseguiu duas grandes chances e só não marcou porque Wilson interviu. E esses gols perdidos custaram caro. Nos últimos minutos da partida, aos 49′, o goleiro do Sport cometeu um pênalti infantil e Sabino, o zagueiro cobrador oficial do Coxa, não perdoou. Com a vitória, o Coritiba conseguiu sair da zona da degola, enquanto o Sport completou cinco jogos sem vencer e está em 19º.

Qual foi o destaque da rodada para você? Conte nos comentários!