Galo atropela Flamengo no começo do returno. Inter tropeça diante do Coxa e distância para o 4º colocado cai para três pontos

Internacional 2×2 Coritiba

O Colorado entrou em campo contra o Coxa e o que se esperava era um duelo bastante desequilibrado. De um lado, o líder do Brasileiro, mesmo sem Thiago Galhardo, enfrentaria um candidato ao rebaixamento. Mas, para a alegria dos times que buscam a liderança, o Coritiba arrancou um empate – que também tirou o time paranaense do Z4.

O Inter esteve à frente do placar em dois momentos, mas não segurou o resultado e acabou permitindo o empate dos visitantes. Yuri Alberto colocou o time de Coudet na frente aos 33′, mas Giovanni Augusto, aos 48′, igualou para o Coxa e fez jus ao destaque que vem recebendo como uma das principais peças do time. Depois da expulsão de Heitor, aos 53′, o Inter conseguiu a dianteira no placar com Nonato (aos 59′), mas viu Sabino, o zagueiro artilheiro do Coritiba, igualar novamente aos 74′.

Depois do resultado, surgiram fortes boatos de que Eduardo Coudet estava insatisfeito com a direção do clube e que poderia deixar o comando Colorado para assumir o Celta de Vigo. Mas há algo muito estranho nisso tudo: por que um treinador de um time líder do Brasileirão, classificado na Copa do Brasil e na Libertadores assumiria um time espanhol que trocou de treinador cinco vezes nos últimos três anos e é forte candidato ao rebaixamento na La Liga?

Atlético Mineiro 4×0 Flamengo

Em terra de 4shared, o Torrent ainda não conseguiu seeders suficientes para se firmar por aqui. Mesmo com nítidos avanços ao longo da temporada, o Flamengo de Domenec teve seus pontos fracos muito bem explorados quando enfrentou adversários do mesmo nível. Contra o Galo de Sampaoli, o rubro-negro assistiu a um adversário impiedoso que aos 8′ já tinha dois tentos de vantagem.

Da mesma forma como aconteceu na rodada de estréia do Brasileirão, o Flamengo começou perdendo por um gol contra e passou muito mais tempo com a bola durante o jogo (71% de posse contra 29% do Galo). Mas o ataque passou em branco e o time, agora, cedeu seis pontos para um rival direto na briga pelo título.

Gustavo Henrique marcou contra aos 4′ e Keno, que não marcava um gol com a bola rolando há seis jogos, ampliou aos 8′ para garantir uma ótima vantagem ao alvinegro de Vespasiano. O Flamengo respondeu, mas esbarrou em um Everson inspirado – e que contou com a ajuda da trave quando Bruno Henrique finalizou de dentro da pequena área com o goleiro vendido no lance.

No segundo tempo, Sasha e Zaracho finalizaram

Fluminense 0x1 Grêmio

Os donos da casa passaram mais tempo com a bola, mas em termos de ataque a produção dos dois times foi parecida. Depois de um começo morno, as equipes alternaram momentos de pressão até o apito final. O gol saiu dos pés de Pepê aos 28′ da primeira etapa: em jogada pela direita, a defesa do Flu se posicionou extremamente mal e Churin recebeu dentro da área; em seguida, cruzou rasteiro para Pepê, que chegava praticamente sozinho, empurrar para o gol.

O tricolor das laranjeiras segue na beirada do G4, enquanto o tricolor gaúcho, conseguiu sua terceira vitória seguida e manteve firme sua recuperação no Brasileirão. Os visitantes mantiveram a oitava posição da tabela, mas a distância para o G4 reduziu para três pontos. Já o Flu ficou estacionado na casa dos 32 pontos e viu o São Paulo, que venceu o Goiás por 2×1, tomar o quarto lugar porque chegou aos 33 pontos conquistados.